NO DIA 13 DE JUNHO ACONTECEU NO ANO …

ACONTECEU A 12 DE JUNHO NO ANO …
13 Junho, 2020
SOBRE A “VIVÊNCIA EM AUSÊCIA DE DESEJO” (4ª parte)
13 Junho, 2020

NO DIA 13 DE JUNHO ACONTECEU NO ANO …

No dia 13 de Junho aconteceu no ano …

SANTO ANTÓNIO – Fernando de Bulhões, conhecido como o Santo António de Lisboa e Santo António de Pádua, nascido em Lisboa em 15/8/1195, frade, poeta e apóstolo, membro da Ordem de Santo Agostinho, em São Vicente de Fora e no Mosteiro de Santa Cruz, em Coimbra, onde adquiriu sólida formação bíblica, teológica, filosófica e científica, pregador evangélico em Toulouse, Montpellier, Arles, Bourges e Limoges, todas em França, na Sicília e em Itália, onde conheceu Francisco de Assis e fez inúmeras conversões, por isso, Deus deu–lhe o dom dos milagres, ajudou a fundar em 1209 a Ordem de São Francisco de Assis, que entrou em Portugal em 1216, tornou–se popular com os seus sermões, como, o Sermão aos Peixes e com o milagre que fez a uma mulher, que tendo partido uma bilha e estando a chorar fez o milagre da sua reconstrução, prevendo a sua morte recolheu–se a uma ermida para tratar da sua alma, recebeu com fervor os sacramentos da igreja e foi a pronunciar o Hino da Senhora O’ Gloriosa Domina que faleceu neste dia de 1231 em Arcela, Pádua, onde foi sepultado, foi canonizado pelo Papa Gregório IX em 30/5/1232.

323 a.C. – Faleceu na Babilónia, Alexandre, o Grande, da Macedónia.

1763 – Nasceu em Santos, Brasil, José Bonifácio de Andrada e Silva, professor e político, licenciado em direito e filosofia em Coimbra, onde lecionou, membro da Academia de Ciências de Lisboa, ajudou a combater nas invasões francesas, quando regressou foi tutor do Rei D. Pedro I e lutou pela independência, ministro do interior e dos assuntos exteriores, foi o redentor dos escravos e o patrono da independência, maçon. Faleceu em 6/4/1838.

1866 – Reconhecida a igualdade civil aos negros pelo Congresso dos E.U.A.

1870 – Nasceu em Soignies, Jules Jean Batiste Vincent Bordet, médico belga, especializado em imunologia e bacteriologia, doutor honoris causa das Universidades de Cambridge, Paris, Estrasburgo, Toulouse, Edimburgo, Nancy, Caen, Montpellier, Cairo, Atenas e Québec, professor e investigador na Universiadade de Bruxelas e no Instituto Pasteur de Paris, descobriu o soro hemofílico, o processo de formação da coagulina e a aplicação de anti–soros no diagnóstico microbiano, autor do livro Tratado da Imunidade nas Doenças Infeciosas, membro permanente do conselho administrativo da univ. de Bruxelas, pres. do primeiro Congresso Internacional de Microbiologia, em Paris em 1930, membro da Academia Real da Bélgica, Royal Society de Londres e da Roytal Society de Edimburgo, Academia de Medicina de Paris, National Academy of Sciences, E.U.A., entre muitas outras, distinguido com prémios internacionais e com o Prémio Nobel da Medicina em 1919, iniciado maçon. Faleceu em 6/4/1961.

1883 – Inaugurado em Viseu o Teatro Boa União, hoje Teatro Viriato.

1888 – Nasceu em Lisboa, Fernando António Nogueira Pessoa, poeta, viveu em Durban, África do Sul, onde teve formação comercial, regressado frequentou letras na univ. de Lisboa, tentou montar uma tipografia e uma editora, tentativas goradas, dedicou–se a traduções. Escreveu sob vários heterónimos e colaborou nas revistas, Orpheu, Mensagem e Presença. Principal obra ‘A Mensagem’, em 4/2/1935 publicou no Diário de Lisboa um artigo intitulado ‘Associações Secretas’, não sendo maçon, insurgiu–se contra a lei n° 1.901, defendendo com elevação a maçonaria, praticou seguramente rituais de caráter esotérico e era um profundo conhecedor da maçonaria, privou por escrito e pessoalmente com o mago Crowley. Faleceu em 30/11/1935.

1908 – Nasceu em Lisboa, Maria Helena Vieira da Silva, pintora, radicou–se em Paris, naturalizou–se francesa, onde estudou escultura e pintura, pintora de temas urbanos, revelou preocupação com o espaço e a profundidade, viveu no Brasil de 1940/7, a sua pintura desse período reflete a angústia da guerra, depois do seu regresso a Paris, participou em exposições em França e no estrangeiro, foram–lhe atribuídos prémios internacionais, em Portugal, a Fundação Calouste Gulbenkian apresentou a sua obra, em 1983, o metropolitano de Lisboa propôs–lhe a decoração da estação da cidade universitária, o que fez com a obra ‘Le Métro’, reproduzida em azulejos com a colaboração de Manuel Cargaleiro. Faleceu em 6/3/1992.

1911 – Aprovado o decreto que criou a tutoria da infância.~

1935 – Criada a F.N.A.T. – Fundação Nacional para a Alegria no Trabalho, hoje Inatel, organização corporativa dos trabalhadores, semelhante ao Dopolavoro fascista italiano e à nazi–alemã Macht durch Freude, o objetivo de promover o aproveitamento dos tempos livres dos trabalhadores “.. de forma a assegurar–lhes o maior desenvolvimento físico e a elevação do seu nível intelectual e moral.”, a comissão central inicial era constituída por Carmona, Salazar, Pedro Teotónio Pereira, Castro Fernandes e Jaime Ferreira.

1949 – Todos os professores da Universidade da Califórnia passaram a declarar que não subscreviam ideais comunistas nem pertenciam ao Partido Comunista dos E.U.A.

1958 – Faleceu de ataque cardíaco em Lisboa, Vasco António Rodrigues Santana.

1959 – Colocada na fachada da Basílica de Fátima a imagem esculpida pelo padre Thomas Mc G. Lynn, que tem 4,75m de altura e 13 toneladas de peso.

1972 – Faleceu em Honolulu, Georg von Békésy.

1986 – Faleceu com um câncro no fígado em Genebra, Jorge Luís Borges.

1993 – Faleceu em Lisboa, Hermínia Silva Leite Guerreiro.

1996 – O parlamento da Bélgica eliminou a pena de morte, exceto para crimes de guerra e contra a segurança nacional.

2005 – Faleceu de causas naturais em Lisboa, Álvaro Barreirinhas Cunhal.

2005 – Morreu de doença neurológica no Porto, José Fontinhas Rato, Eugénio de Andrade

Os comentários estão fechados.