ELEIÇÕES EUA: FINALMENTE UM DEBATE VIVO E CIVILIZADO

SOBRE O ESPAÇO E O TEMPO
20 Outubro, 2020
LUÍS CARACOL APRESENTA NOVO TRABALHO «NOVA ONDA»
1 Novembro, 2020

ELEIÇÕES EUA: FINALMENTE UM DEBATE VIVO E CIVILIZADO

Num novo formato, com o som cortado enquanto o oponente respondia às perguntas da jornalista da NBC Kristen Walker, na Universidade de Belmont em Nashville, Joe Biden e Donald Trump, proporcionaram um debate digno, muito mais calmo do que o anterior. Sem interrupções os candidatos puderam expor visões nitidamente diferentes para o futuro dos EUA.

Com prognósticos opostos para a pandemia exibiram divergências inconciliáveis sobre temas como a retoma da economia, o reforço do sistema de saúde, as medidas a tomar para contrariar as alterações climáticas e a reforma da política de imigração.

Desde os minutos iniciais, os dois candidatos tomaram posições opostas sobre a pandemia, com Trump a prometer que a doença está para “desaparecer” enquanto Biden pedia uma ação do governo federal muito mais agressiva para o “inverno negro” que se avizinha.

O atual Presidente, pouco fez para defender a sua reeleição, ou para explicar em termos claros o que espera fazer com mais quatro anos na Casa Branca. Embora tenha sido algumas vezes colocado à defensiva pelo seu oponente, o ex Vice-Presidente apresentou uma versão mais completa da sua própria agenda política, defendeu uma despesa económica em larga escala, novas ajudas aos Estados que combatem a pandemia e uma expansão e reforço dos cuidados de saúde e dos benefícios dos trabalhadores em todo o país.

Num sistema eleitoral que permite o voto antecipado já votaram mais de 48 milhões de americanos. As eleições serão no dia 3 de Novembro, uma terça-feira. Será a 59.ª eleição presidencial do país. Os eleitores escolherão os delegados para o Colégio Eleitoral, que se reunirá em 14 de Dezembro para eleger oficialmente o Presidente e o Vice-presidente. A eleição presidencial ocorrerá simultaneamente com as eleições para a Câmara dos Representantes e o Senado, além de várias disputas estaduais e locais.

Pode ver o debate aqui:

Os comentários estão fechados.