EFEMÉRIDES: 9 DE MARÇO – HÁ UM ANO, BEATO, ALCÂNTARA E BENFICA FICARAM INUNDADAS

RÁDIO CRUZEIRO: PROGRAMAÇÃO PARA ESTE SÁBADO
8 Março, 2019
VACINAÇÃO ANTI-RÁBICA TEM NOVOS HORÁRIOS
9 Março, 2019

EFEMÉRIDES: 9 DE MARÇO – HÁ UM ANO, BEATO, ALCÂNTARA E BENFICA FICARAM INUNDADAS

EFEMÉRIDES

9 de março

1821 – Foram aprovadas as bases da Constituição liberal de 1822, saída da Revolução de 1820, a primeira Lei Fundamental portuguesa, aprovada por uma assembleia representativa.

1842 – Estreou-se, em Lisboa, o drama de Almeida Garrett “O Alfageme de Santarém”.

1916 – A Alemanha declarou guerra a Portugal, devido ao  apresamento dos navios mercantes, que estavam atracados nos portos portugueses.

1918 – Foi criado o Ministério da Agricultura.

1928 – O Governo do general Óscar Carmona, saído do golpe de 28 de maio de 1926, recusou o empréstimo da Sociedade das Nações, para a recuperação económica do país.

1945 – Os Estados Unidos bombardearam Tóquio. Morreram cerca de 85 mil pessoas.

1959 – A boneca Barbie foi apresentada em Nova Iorque.

1962 – Realizou-se, em Coimbra, o I Encontro Nacional de Estudantes, que conduziu à criação do Secretariado Nacional dos Estudantes Portugueses e à definição do Dia do Estudante, a celebrar em 24 de março. A proibição deste evento daria origem à Crise Académica de 1962.

1974 – Foi decretado o estado de prevenção em Lisboa. A ordem partiu do Governo de Marcello Caetano surgiu com a publicação do livro “Portugal e o Futuro”, de António de Spínola.

1975 – Foi criada a União da Juventude Comunista Portuguesa.

1987 – Morreu Paulo Quintela, aos 80 anos. Foi filólogo, professor da Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra, ensaísta e figura determinante na divulgação dos maiores escritores de língua alemã e inglesa e na recuperação de clássicos portugueses.

1993 – Foi lançado o PER, Programa Especial de Realojamento, destinado, em exclusivo, aos cerca de 48 mil agregados familiares residentes em barracas, recenseados nos concelhos das Áreas Metropolitanas de Lisboa e Porto.

1996 – Mário Soares recebeu o Grande Colar da Ordem da Liberdade.

2003 – Foi apresentado o inquérito à educação e ensino em Portugal, onde se revelava que 25% da população não teria concluído a escolaridade obrigatória.

2005 – O arquiteto Manuel Salgado venceu o concurso internacional “Farecentro a Romanina”, para a elaboração do plano da nova centralidade da capital italiana.

2006 – Estreou a obra “Contos Fantásticos”, do compositor Luís Tinoco, sobre textos do “Monty Python” Terry Jones.

2007 – O arquiteto Siza Vieria venceu, pela terceira vez, o Prémio Secil de Arquitectura, com um complexo desportivo em Cornellã de Llobregat, perto de Barcelona.

– Morreu Luz Franco, aos 52 anos. Foi atriz, dramaturga e encenadora.

2008 – Naide Gomes sagrou-se campeã Mundial do salto em comprimento com um salto de 7,00 metros, no último dia dos Mundiais de atletismo em pista coberta Valência2008. A marca de Naide Gomes passou a constituir novo recorde nacional

– Nelson Évora conquistou a medalha de bronze no triplo salto dos Campeonatos do Mundo de pista coberta de atletismo Valencia2008.

2010 – Morreu em Luanda, aos 83 anos, a poetisa Alda Espírito Santo, figura de primeira linha na luta pela independência são-tomense.

2013 – Bernardino Soares apresentou a sua candidatura à Câmara Municipal de Loures, pela CDU. Na sua apresentação prometeu voltar a pôr o nome do concelho no mapa e opor-se a uma eventual tentativa de privatização dos Serviços Municipalizados.

2016 – Morreu aos 90 anos, George Martin, produtor dos Beatles e considerado o “quinto” membro do grupo.

2017 – Uma professora de Chaves, doente oncológica em tratamento, foi obrigada a regressar ao trabalho por estar há mais de um ano à espera de uma junta médica que seria necessária para prolongar a baixa.

2018 – As zonas de Alcântara, Beato e São Domingues de Benfica foram as mais afetadas pelo mau tempo em Lisboa, onde se registaram dezenas de inundações, quedas de árvores e de estruturas. Entre a meia-noite e o meio-dia, os bombeiros Sapadores de Lisboa registaram 36 inundações em espaço privado, sete em espaço público, sete quedas de árvores e quatro quedas de estruturas.

===============.

Este é o sexagésimo oitavo dia do ano. Faltam 297 dias para o termo de 2019.

Pensamento do dia: “A Constituição Política da Nação Portuguesa deve manter a liberdade, segurança e propriedade de todo o cidadão”. Primeiro artigo das Bases da Constituição, aprovadas a 9 de março de 1821 pelas Cortes Gerais Constituintes.

Os comentários estão fechados.