EFEMÉRIDES: 7 DE JULHO – HÁ 45 ANOS ELVIS PRESLEY ESTREAVA-SE NA RÁDIO

OPINIÃO/CRUZEIRO: FOI UM FERRARI E UM BURRO!
6 Julho, 2019
JOSÉ GASPAR (WERUN) VENCEU A 18ª LÉGUA NOTURNA DE ODIVELAS
7 Julho, 2019

EFEMÉRIDES: 7 DE JULHO – HÁ 45 ANOS ELVIS PRESLEY ESTREAVA-SE NA RÁDIO

EFEMÉRIDES

7 de julho

Feriado Municipal em Figueira de Castelo Rodrigo, onde se assinala a data da batalha de Salgadela, travada em 1664 e em que as tropas portuguesas sob o comando de Pedro Jacques de Magalhães derrotaram os espanhóis, que procuravam reassumir o domínio de Portugal.

1858 — Nasceu o escritor e filólogo José Leite de Vasconcelos, autor de “Lições de Philologia Portuguesa” e da antologia “Textos Archaicos”

1874 – Morreu o poeta português Manuel Negrão, um dos fundadores da Arcádia Lusitana.

1877 – Começava a travessia de África por Serpa Pinto, com Brito Capelo e Roberto Ivens, que se haveria por se estender até 1879.

1923 — Morreu, em Lisboa, o escritor e diplomata Guerra Junqueiro, autor de “A Velhice do Padre Eterno”, “Os Simples” e de “Viagem à Roda da Parvónia”, com Guilherme de Azevedo.

1951 — A RCA fez a primeira demonstração pública de televisão a cor, nos EUA.

1954 – Elvis Presley estreou-se na rádio, na WHBQ de Memphis, com a canção “That’s all Right”.

1974 – Foi criado o Comando Operacional do Continente, COPCON, que ficou sob a liderança de Otelo Saraiva de Carvalho.

1979 — Tomou posse o V Governo Constitucional, liderado pela primeira-ministra Maria de Lourdes Pintasilgo.

1988 – Começou o processo de reprivatizações, com a aprovação da venda do Banco Totta e Açores e da Unicer, em bolsa, num montante até 49 por cento do capital.

1995 – Morre o jornalista Neves de Sousa, aos 64 anos. Foi o rosto, que deu corpo e alma à organização da Grande Noite de Fado da Casa da Imprensa, ao longo de 16 anos

2001 — O PSD-Madeira acrescenta, à sua sigla, a designação Partido da Autonomia, por decisão do Conselho Regional.

2003 – “No Interior da tua Ausência”, de Baptista Bastos, e a “Obra Poética 1960-2000”, de João Rui de Sousa, foram distinguidos pelo Prémio da Crítica, do Centro Português da Associação Nacional dos Críticos Literários.

2005 – Ocorreram vários atentados em Londres. Quatro explosões na capital britânica, ao início da manhã, causaram 56 mortos e mais de 700 feridos. As explosões afetaram sete estações do metropolitano, paralisaram a rede, e destruiram um autocarro.

2006 – O Prémio Nacional de Fotografia foi atribuído a Paulo Nozolino.

­- Morreu Syd Barrett, aos 60 anos. Músico e compositor inglês, foi o fundador dos Pink Floyd.

2007 – A escritora Maria Gabriela Llansol recebeu o Grande Prémio de Romance e Novela da Associação Portuguesa de Escritores, pelo romance “Amigo e Amiga”.

– Morreu em Lisboa, aos 70 anos, vitima de cancro, a jornalista Luísa Rangel, que trabalhou na RDP durante quase vinte anos.

2008 – O Sínodo da Igreja Anglicana aprovou a ordenação de mulheres bispos, depois de um vivo debate entre conservadores e liberais. O Vaticano reagiu com tristeza a esta decisão sublinhando que constituirá “um novo obstáculo para a reconciliação” entre as duas Igrejas

2011 – Parte da cobertura do estádio do Twente ruiu e provocando a morte a uma pessoa e ferindo mais duas dezenas. O Grolsh Veste Stadium estava a sofrer obras de remodelação

2014 – Sérgio Monteiro, na altura Secretário de Estado dos Transportes recusou qualquer investimento na expansão do Metro de Lisboa.

2015 – Morreu Maria Barroso, aos 90 anos, no Hospital da Cruz Vermelha em Lisboa, onde estava internada em estado grave. Atriz, fundadora do Partido Socialista foi uma mulher de cultura e de causas, que viveu uma vida impar dedicada aos outros. Presidiu à Cruz Vermelha Portuguesa e casou com Mário Soares em 1949.

2016 – O arqueólogo Fábio Silva descobriu nas antas de Carregal do Sal, no vale do Mondego, um telescópio com seis milhões de anos.

2017 – Soube-se que mais de metade das transferências para offshores envolvidas no “apagão” do fisco respeitam ao BES e ao Montepio, os únicos bancos que revelaram problemas em três anos distintos. Foi um dado que veio reforçar as dúvidas em torno do caso.

2018 – A Ordem dos Farmacêuticos denunciou que haveria hospitais públicos a deixar de dar medicamentos em dose unitária aos doentes por dificuldades de pessoal, lembrando que este método dá mais segurança e diminui erros.

==============.

Este é o centésimo octogésimo oitavo dia do ano. Faltam 177 dias para o termo de 2019.

Pensamento do dia: “A metafísica é uma consequência de se estar mal disposto”. Fernando Pessoa/Álvaro de Campos (1888-1935).

Os comentários estão fechados.