A JUVENTUDE ECOLOGISTA QUER MAIS RESIDÊNCIAS UNIVERSITÁRIAS

EFEMÉRIDES: 8 DE JANEIRO – DIA MUNDIAL DA ALFABETIZAÇÃO
8 Janeiro, 2019
MOSTEIRO DE ODIVELAS PASSA PARA A POSSE DA CÂMARA NO DIA 14
8 Janeiro, 2019

A JUVENTUDE ECOLOGISTA QUER MAIS RESIDÊNCIAS UNIVERSITÁRIAS

Há estudantes sem local para residir durante o período letivo, o que levou a que muitos deles estejam a partilhar pequenos apartamentos com vários outros estudantes, existindo, por exemplo, uma casa de banho ou uma cozinha para 8 a 10 pessoas. Houve também, casos em que jovens se viram forçados a abandonar as suas vagas no ensino superior por falta de local, ou condições para residir junto das instituições de ensino superior.

A Ecolojovem considera, degradante a situação a que se chegou sem que existam respostas para estes estudantes, fazendo com que o direito ao ensino, um direito fundamental, seja posto em causa.

O mercado especulativo imobiliário faz com que os preços nos grandes centros urbanos sejam superiores  ao salário mínimo nacional e já há estudantes a optaram por hostels e alojamentos locais como forma de poderem prosseguir os estudos.

Para a Ecolojovem, pela defesa dos direitos dos estudantes e na salvaguarda e cumprimento da Constituição da República Portuguesa, urge resolver esta situação, nomeadamente, através do reforço da oferta de residências universitárias.

Os comentários estão fechados.